Metas e objetivos

/
0 Comments

Introdução

Uma das grandes dificuldades das empresas é assegurar que as equipes realizem as tarefas que agregam valor aos objetivos estratégicos.

Porém, na maioria das vezes, o problema não está na escolha das atividades e sim no entendimento (ou falta) dos objetivos e das metas. Em geral, os objetivos são descritos de forma ambígua e por consequência atividades desconexas são realizadas.

Este guia foi escrito com o objetivo de esclarecer como escrever metas e objetivos de maneira assertiva.

Quais são as diferenças entre metas e objetivos


Primeiramente, é necessário entender a diferença entre metas e objetivos.

Conforme Doran (1981) não há diferenças práticas entre metas e objetivos. No entanto, ajuda o entendimento se distinguirmos um do outro.

Neste trabalho, considera-se que o objetivo é o fim, o destino, o resultado esperado. É o propósito de realizar algo. Serve como guia, fornece a direção do que se deseja fazer. Normalmente, escrita de forma qualitativa.

Enquanto que meta é o objetivo quantificado. São específicas, temporais e passíveis de mensuração. Escrever uma meta sem um prazo não faz sentido.

Com a intenção de resolver os problemas causados pela ineficiência de como as metas são escritas, Doran, criou a técnica SMART. Importante destacar que esta técnica pode ser utilizada tanto para escrita de metas quanto de objetivos. O uso está correto para ambos os casos. Doravante, neste guia a técnica será utilizada para a descrição de meta.

SMART


É uma ferramenta que tem o objetivo de escrever metas considerando 5 atributos. SMART é o acrônimo em inglês de Specific (específico), Measurable (mensurável), Assignable (responsável), Realistic (realista) e Time-bound (temporal) (Doran, 1981). 
Com o passar dos anos e devido às várias interpretações alguns termos foram modificados (Wiki, 2018). 
Atualmente, o acrônimo mais aceito considera "A" como attainable e "R" como relevant. Este trabalho considera o acrônimo mais aceito por acreditar que contempla o objetivo de Doran. A utilização da técnica SMART melhora a compreensão de metas e objetivos.

Specific

Quanto mais específico uma meta menores são as chances de ambiguidade. Da mesma forma, maiores são as chances de traçar as atividades necessárias para alcançá-la. Específico significa algo único, o oposto de geral, amplo. Dizer que sua meta é "ter lucro" ou "vender mais" são metas gerais, amplas e inespecíficas. Para definir objetivos/metas de forma específica utilize as três perguntas abaixo.

1°. What: O que será feito?

2°. Why: Por que será feito?

3°. Where: Onde será feito?

Exemplo de objetivo específico: “Quero vender mais treinamentos de gerenciamento de projetos de alto impacto visando melhorar o potencial dos clientes”.

Measurable

A única forma de medir os resultados de uma meta é quantificando o resultado da execução das tarefas. Medir o progresso ajuda você a se manter focado, cumprir seus prazos e se sentir empolgado ao alcançar seus resultados. Você deve definir um critério e um valor como parâmetro de mensuração e acompanhamento do progresso.

Exemplo de objetivo mensurável: “Quero vender 45% mais, em relação ao ano passado, de treinamentos de gerenciamento de projetos de alto impacto, através do portal, visando melhorar o potencial dos clientes”.

Attainable

Criar metas alcançáveis é fundamental para a motivação. Muitas pessoas acabam desistindo de seus objetivos por definirem metas inalcançáveis. Decomponha metas maiores ou complexas em itens menores com elevado grau de certeza de que irá alcançá-los. Pense na pergunta "Dada a situação atual, quão realista é este objetivo/meta?"

Relevant

A meta precisa estar alinhada com um propósito maior. Tenha em mente este propósito ao definir a meta. Uma meta relevante precisa responder sim às seguintes questões:

Esta meta faz sentido para mim?

Este é o momento certo para trabalhar nela?

Esta meta combina com nossos outros esforços e prioridades?

Eu sou a pessoa certa para realizar esta meta?

Esta meta faz sentido no atual momento sócio-econômico?

Time-bound

Toda meta precisa ser delimitada no tempo. A definição de prazo, além do fator motivacional, tem o papel de definir o período de tempo em que as tarefas serão executadas.

Exemplo de objetivo mensurável: “Quero vender 45% mais, em relação ao ano passado, de treinamentos de gerenciamento de projetos de alto impacto visando melhorar o potencial dos clientes, até o final do ano”.

Exemplos de metas SMART

A seguir outros exemplos completos e com a indicação da letra do critério SMART (em parênteses):
  • Aumentar em 20% (M, A, R), até o final do ano (T, A), o número de inscritos em nosso blog, focando em geração de conteúdo de gestão (S).
  • Faturar 10 milhões (M, A, R), no primeiro semestre (T, A), com a venda de nosso novo produto (S).
  • Contratar mais 20 funcionários (M, A) para a equipe de vendas (S, R) até o mês de setembro de 2018 (T);
  • Abrir 2 novas filiais (M, R, A). Uma em São Paulo até novembro de 2018 (S, T) e outra em Santa Catarina até março de 2019 (S, T);
  • Reduzir em 20% (M, R, A) a taxa de inadimplência dos clientes corporativos (S) até o lançamento do próximo produto em janeiro de 2019 (T, A);
  • Escrever um livro sobre liderança (S, R), com 210 páginas (M), até o final de setembro deste ano (T, A);
  • Caminhar 9 quilômetros por dia (M, R), todas as manhãs (S), até atingir o peso de 85 kg (T, A).

Verificação se a meta está bem escrita

É comum encontrar metas incompletas de definição. Por exemplo, "O projeto deve satisfazer seus clientes." Agora, veja esta meta escrita utilizando a técnica SMART "Nível de Satisfação Geral do cliente maior que 80% medido através de pesquisa de satisfação respondida no término do projeto".

De forma a validar se a meta está bem escrita, as perguntas a seguir precisam ser respondidas. Caso não consiga responder alguma pergunta, volte e reescreva a meta.

Qual meta devo cumprir para ter sucesso? (Specific)
Como saberei que estou progredindo para ter sucesso? (Measurable)

É possível cumprir a meta definida (desejo realista de 0 à 10 x a possibilidade de 0 à 10)? (Attainable)

Qual é a motivação para realizar esta meta? (Relevant)

Até quando a meta deve ser atendido? (Time-bound)
Para complementar o entendimento se a meta está bem escrita, utilize este checklist:
  • Especific
    • Resultado desejado: Qual resultado precisa ser alcançado?
    • Cliente: Para quem será o resultado (cliente, segmento)?
    • Propósito: Qual é o serviço, produto ou oferta?
  • Measurable
    • Métrica: Qual é o valor e a unidade para acompanhar o progresso?
  • Attainable
    • Viabilidade: Esta meta é realista dado os recursos disponíveis?
    • Esforço: Quais são os recursos necessários e disponíveis para realizar a entrega?
  • Relevant
    • Propósito: Qual é o serviço, produto ou oferta?
    • Entregável: Qual é o entregável que chega no resultado?
  • Time-related
    • Data alvo: Quando o resultado precisa ser alcançado?

Última dica

Para encerrar, a última dica diz respeito à formulação de metas pessoais.

Metas pessoais, precisam depender apenas de você para aumentar suas chances de sucesso. Por exemplo, "Ganhar aquela promoção" não depende apenas de você, depende também da pessoa que fará a avaliação.

Entretanto, "Obter a experiência e as competências necessárias para ganhar aquela promoção" dependem somente de você.

Referências

  • Doran, G. T. (1981). There's a S.M.A.R.T. way to write management's goals and objectives. Management Review; Nov81, Vol. 70 Issue 11, p35-36. AMA FORUM.
  • https://en.wikipedia.org/wiki/SMART_criteria
  • https://boardview.io/blog/get-smart-in-defining-smart-goals/
  • https://www.mindtools.com/pages/article/newTMM_94.htm
  • https://www.mindtools.com/pages/article/smart-goals.htm


Você também pode gostar de

Nenhum comentário: